TPM

Alguns dias serei sua namorada paranóica e carente. 
E serão nesses dias, que irei falar milhões de vezes que você está se afastando de mim sem perceber. 
Peço que tenha paciência. 
Tanta gente já se afastou, até que um dia me vi sozinha. 
Sei que todos estão sujeitos a seguir um caminho diferente do meu. 
Mas eu desejo que fique; Tanto nos dias bons, quanto nos dias ruins. 
E que nos dias ruins você continue me amando, porque eles vão passar e eu preciso que você permaneça. 
Eu adoraria dizer que a vida é cheia de papos legais e agradáveis, entre outras possibilidades românticas, mas não é. Vez ou outra o assunto muda e então as ideias não batem.
 E o ser humano tem esse hábito de idealizar relações onde tudo flui perfeitamente, então, quando encontra no meio do caminho um olhar mau interpretado ou uma frase que pesou, acaba não sabendo lidar porque não estava preparado para as imperfeições.
É inteligente pensar que amar não aperfeiçoa o outro, na verdade, o amor enxerga perfeitamente os defeitos, tão perfeito que além de os enxergar, entende, aceita e aprende a lidar com eles.
E eu me pergunto todos os dias, até onde nós vamos conseguir chegar?
Um ano, dois, dez, uma vida?
Me perdoe o pessimismo, tenho fé em nós, mas desde o dia que coloquei toda a minha fé na cura e quem venceu foi a morte, eu não consigo deixar de pensar em todas as possibilidades.
Saiba que estou preparada para tudo.
Mesmo desejando um "felizes para sempre", estou pronta para um "cada um foi pro seu lado".
Enquanto você segurar a minha mão, eu não solto a sua.
Eu me sinto grata por ter sido a sua escolha, entre tantas outras chances e possibilidades. Por ter sido a pessoa que Deus projetou e separou (só) para você. Por ter a chance de te trazer felicidade e cuidar de você como ninguém nunca cuidou. E, mais que qualquer outra coisa, eu me sinto grata por ser dona de todo o amor existe dentro do teu coração.

25 de julho de 2016

Respira fundo e vai, coloca pra fora tudo. Pode vomitar. 


Que droga! Precisava vir com tantas feridas, com tanta bagagem? O que que eu faço com tudo isso que você jogou nos meus pés? Por que você carrega tudo isso? Faz mal pra você também, não percebe? 
Todos esses amores mal sarados.
Todas essas pendencias sentimentais.
Não sei lidar meu bem.
Resolve isso aí e se ainda for tempo, se der tempo, se eu tiver tempo, a gente arruma nossa mala e carrega junto.